Papel Principal

" Amar é ter um pássaro pousado no dedo.

Quem tem um pássaro pousado no dedo sabe que, a qualquer momento ele pode voar."

Rubem Alves

Nenhum de nós é tão bom quanto todos de nós juntos

Nenhum de nós é tão bom quanto todos de nós juntos

segunda-feira, 24 de maio de 2010

Semana de 17 a 21 de Maio

O nosso colega Miguel trouxe para a nossa sala um bicho pau.
Foi uma emoção porque quando trabalhamos o projecto dos insectos descobrimos que alguns animais usavam a camuflagem para se protegerem dos predadores, um deles era o bicho pau.
Quando o vimos nem queríamos acreditar.





Com a historia do "João pé de Feijão" surgiu a possibilidade de exploramos as sementes numa actividade matemática.

Cada dia que passa é visível, nas produções das crianças, o domínio de competências, motoras e artísticas.
vale a pena dar espaço e oportunidade para as crianças recrearem a realidade.
É lindo!









Continuamos a registar a evolução das sementes no quadro de registo.


Estas actividades deram possibilidade às crianças de revisitar o livro que tinham construído sobre os seres vivos, assim surgiu a experiência para confirmarmos se "as plantas como seres vivos que são, também respiram"



Frases verbalizadas pelas crianças após a observação:
João "A água está a fugir pela planta"
Diana " A água que está dentro do copo subiu pela planta e fez as gotas no plástico"
Alexandra " As gotinhas queriam ir para o céu, mas o saco não deixou então elas ficaram agarradas ao saco"
Marisa" São as folha que têm água que fizeram o plástico ficar com vapor"
Sérgio "A planta bebe a água, a água vai para as folhas e sai em vapor"
Marta " A planta quer respira mas não consegue porque o saco não deixa então ela transpira e molha o saco."

A construção dos aviões de papel surgiu de um avião que o Miguel trouxe para a sala



1 comentário:

M. Jesus Sousa (Juca) disse...

Olá amiguinhos,
Após duas semanas sem vos visitar passei cá e vi que temos trabalhado coisas parecidas... nós também fizemos este tipo de descobertas sobre os seres vivos, com a experiência de respiração das plantas.
E não é que hoje a Luana e a Joana andavam muito entusiasmadas com aviões de papel?
Coincidências interessantes...
Continuação de bom trabalho e boas descobertas!
Bjs, Juca e Sala Fixe