Papel Principal

" Amar é ter um pássaro pousado no dedo.

Quem tem um pássaro pousado no dedo sabe que, a qualquer momento ele pode voar."

Rubem Alves

Nenhum de nós é tão bom quanto todos de nós juntos

Nenhum de nós é tão bom quanto todos de nós juntos

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Semana de 30 de Novembro a 4 de Dezembro

Na segunda-feira de manhã as crianças estavam muito agitadas, todas queriam contar as novidades de fim-de-semana que, na grande maioria das crianças, passava por a construção do pinheirinho, presépio, ou saídas, com luzes e motivos relacionados com o Natal.
A Rafaela aproveitou a motivação e levou as crianças à sala dos computadores da 1ª Ciclo, porque tem um quadro interactivo e apresentou o Power -Point da história:
“ O Gui o Natal Verde e o Planeta Azul”
No fim da história voltamos a passar as imagens, por pedido das crianças e fomos para a sala lanchar e executar as actividades do plano.
Os meninos, dos projectos dos seres vivos continuaram a trabalhar e decidiram compilar a informação recolhida, no livro dos Seres vivos.
Entretanto também sugeriram que “podíamos fazer, como a mãe do Miguel no computador.”








Antes do almoço depois de arrumarmos a Rafaela voltou a falar da história. Fez algumas perguntas e assim recordamos o seu conteúdo.
As crianças acharam que já era tempo para começarmos a preparar o Natal do Jardim e assim pensamos no que podíamos fazer.
Durante a tarde a Rafaela trouxe uma experiência muito interessante.
Na pesquisa que fizemos na Internet, sobre os seres vivos, verificamos que todos os seres vivos são constituídos por células, alguns com muitas, outros com poucas, mas todos tinham na sua constituição células.
Clara que não sabíamos o que era, mas fomos descobrir. Para nos ajudar a visualizar melhor a Rafaela fez uma preparação com a casca transparente da cebola e um liquido que nós já conhecíamos, das experiencias da Escola Secundaria de Monserrate, e que se chama azul-de-metileno.
Fomos observar e foi fantástico!
Depois tentamos outra preparação com raspa do epitélio da língua.
Não conseguimos ver tão bem como o da cebola, mas foi bom conhecer.










Na manhã de quarta-feira começamos com a sessão de motricidade foi divertido porque fizemos um circuito.
Na quarta de tarde iniciamos as decorações de Natal tal como tínhamos combinado. O nosso pinheirinho da entrada precisava de enfeites e foi necessário por mãos à obra.
Entretanto também acordamos fazer uma árvore de Natal ecológica, com restos de papel da portucel.
Utilizamos um tubo de cartão que a tia da Marta nos arranjou, no inicio do ano e decidimos fazer triângulos de vários tamanhos, porque vimos que os pinheiros de Natal, que aparecem nas imagens, são constituídos por triângulos.
Na quinta de manhã a Graça trouxe uma resolução de problemas que começou com uma história do livro “ O Trenó do Pai Natal”.
No fim da história colocamos o gorro do Pai Natal e com o saco as costas distribuímos prendas (legos, porque era um jogo de faz de conta) por alguns meninos.
O saco continha prendas e as prendas tinham que ser distribuídas em número igual por os meninos escolhidos e que se encontravam a dormir. Quantas prendas recebiam?
Começamos com 6 prendas dentro do saco para distribuir por 3 meninos e fomos alterando o número de prendas e meninos.
Algumas crianças que faziam de Pai Natal, distribuíam as prendas correctamente, logo na primeira volta, no entanto outras colocavam 1 peça de cada vez e repetiam as voltas até acabar as peças. O jogo foi um sucesso foi difícil parar de jogar.





Durante a tarde com os materiais que construímos e com o que já existia dos anos anteriores, começamos a decoração da sala.
Na sexta-feira de manhã a Graça levou um CD com músicas de Natal. Gostamos muito da musica do Rodolfo. Exploramos a melodia com o nosso corpo e depois de uma votação decidimos fazer uma dança para apresentar aos nossos colegas na festa do Natal.
Continuamos com os trabalhos que tínhamos programado e com os projectos dos seres vivos.
Descobrimos um livro na biblioteca que falava sobre seres vivos e tivemos a explora.
Bom, estamos a perceber que este projecto ainda tem muito para descobrir!
Então não é que descobrimos que há seres vivos que usam a camuflagem para se protegerem dos predadores?
E os morcegos? Não são pássaros!
E as pessoas também são animais?
O Rodrigo disse que somos primos dos macacos?
Será que é verdade?
Com os preparativos para o Natal vai ser difícil continuar a descobrir estas coisas todas, mas quando voltamos em Janeiro vamos agarrar outra vez o projecto em força.
Durante a tarde a Graça contou uma história de Natal e no fim tivemos a partilhar as nossas vivencias de Natal.
Para a próxima semana postamos o que cada criança disse.
Porque estivemos muito tempo na mesa grande, sem dar conta do tempo a passar, não foi possível fazer a avaliação da semana.
No entanto fizemos o balanço do dia e preenchemos as bolas do quadro das actividades programadas.







Sem comentários: